Preparando seu filho para uma consulta

Postado em 23 de Maio de 2015 por

Compartilhe:

 

Converse com seu filho sobre a visita ao dentista de forma natural. Pratique com ele a escovação dos dentes de antemão, mostre de maneira positiva como é importante cuidar dos dentes.

Tenha apenas a intenção de colocar a criança à vontade, introduzi-la acerca do mundo da odontologia, e certifique-se que ela não precisa de qualquer atenção de emergência, o que é raro.

Aqui estão algumas maneiras de preparar as crianças antes da consulta para tornar a experiência mais positiva possível:

A escolha do dentista para uma consulta

escolha-dentista-para-filho

Procure de preferência uma pessoa que seja especialista em crianças. O atendimento de uma criança é muito diferente da assistência que é dada para os adultos. Uma Odontopediatra irá se comunicar melhor com a criança e passar mais segurança para os pais durante o tratamento.

 

A odontopediatra tem pelo menos dois anos adicionais de formação para além da graduação em Odontologia. O treinamento adicional centra-se na gestão e tratamento de dentes em desenvolvimento de uma criança, o comportamento da criança , o crescimento físico e desenvolvimento e as necessidades especiais de odontologia infantil. Embora qualquer tipo de dentista seja capaz de abordar de seu filho,  os cuidados que um dentista pediátrico, o seu pessoal, e até mesmo a decoração do consultório estão todas voltadas para cuidar de crianças e colocá-las à vontade. Se o seu filho tem necessidades especiais, cuidados de uma dentista pediátrica deve ser considerada.

 

Converse com seus filhos antes da consulta

 

Adquirir alguns livros sobre visitar o dentista e usar o tempo que conta a história para conseguir uma conversa com seu filho pode ser uma ótima maneira de introduzir este assunto. Uma maneira divertida para ensinar as crianças de forma confortável ​​é jogar com ela “Jogos de Dentista” em um Celular ou Tablet, usando adereços como escovas de dente, lanternas e copos para enxaguar, e convidar todos os seus personagens para um check-up, onde o seu filho pode praticar ser o paciente ou também pode ser o dentista. Mesmo que você não possua recursos gráficos para demonstrar o mundo odontológico para seu filho, conversar de maneira franca com carinho e importando-se com seu filho será fundamental para que ele entenda e confie que você deseja proporcionar o melhor para ele. Desta forma seu filho terá segurança em você e confiará em sua palavra e em suas recomendações.

 

Seja um bom modelo

 

Certifique-se de que as crianças irão vê-lo escovar os dentes e usar fio dental como uma parte natural da rotina diária. E se você tem um pouco de medo de dentista, tente com o seu melhor modo não passar esse tipo de sentimento para proteger as crianças de desenvolvê-lo até mesmo antes de chegar ao consultório: De acordo com um estudo recente, a maior ocorrência de medo de dentista é passada de pais para filhos.

A primeira visita ao dentista é geralmente curta e envolve muito pouco tratamento. Esta visita dá a seu filho uma oportunidade para conhecer a dentista de uma forma não ameaçadora e amigável. Em algumas situações a dentista pode solicitar ao pai, mãe ou responsável para sentar-se na cadeira odontológica e manter-se ali com a criança durante o exame. Em algum momento do tratamento os pais  também podem ser solicitados a esperar na área de recepção durante parte da visita para que um relacionamento possa ser construído entre seu filho e sua dentista.

Durante o exame, a dentista irá verificar todos os dentes existentes do seu filho para a verificar se existe a presença de cáries, examinar mordida do seu filho, e procurar por problemas potenciais com a gengiva, mandíbula e os tecidos orais. Se indicado, a dentista irá limpar os dentes e avaliar a necessidade de flúor. Ela também vai educar os pais sobre saúde bucal,  noções básicas de cuidados com a crianças, discutir questões de desenvolvimento dental e responder a quaisquer perguntas.

Tópicos sua dentista pode discutir com você podem incluir:

  1. Boas práticas de higiene oral para dentes e gengivas do seu filho e prevenção de cáries
  2. Necessidades de flúor
  3. Hábitos orais (sucção do polegar, língua , lábio empurrão de sucção)
  4. Marcos de desenvolvimento dentário
  5. Dentição Atrasada
  6. Nutrição adequada para prevenir cáries
  7. Calendário de exames dentários. É muito bom ver as crianças a cada 6 meses para construir um confortável nível de confiança da criança em visitar o dentista, para acompanhar o desenvolvimento dos dentes, e prontamente tratar qualquer problema de desenvolvimento

Você será solicitado a responder algumas perguntas sobre a saúde da criança durante a primeira visita. Venha preparado com as informações necessárias.

 

Compartilhe:

Deixe um comentário:

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

© 2018 RMA Odontologia. Todos os direitos reservados.
Site desenvolvido por Comersite