Quando nascem os dentes do seu Filho – O Guia para a Mãe de Primeira Viagem

Postado em 5 de maio de 2014 por Maria dos Anjos Fagundes Figueira Pinho

quando nascem os dentes
Compartilhe:
Want create site? Find Free WordPress Themes and plugins.

Se você ainda não dá importância sobre o começo da formação dos dentes de seu filho, você precisa repensar sobre o assunto. Muitas mães já se preocupam com a saúde bucal de seus filhos mesmo antes que apareça o primeiro dente. Muitas dúvidas podem ser esclarecidas consultando diretamente um Odontopediatra, que é o dentista especialista no cuidado de bebês e crianças. e poderá lhe explicar tudo sobre quando nascem os dentes do seu filho.

Você ainda não sabe quando nascem os dentes do seu filho? E quando começam a cair? E como isso pode alterar a sua vida e a vida de seu filho?

Não se preocupe. Esse artigo servirá como um ótimo guia para você saber Quando nascem os dentes do seu filho.

Inclusive você poderá pegar uma tabela muito legal e bem fácil com informações sobre a fase do nascimento dos primeiros dentes de leite e o tempo médio para substituição destes pelos dentes permanentes.

Você precisa entender que sabendo o tempo médio de aparecimento dos dentes na boca, você poderá cuidar melhor do seu filho e preveni-lo de ter cáries no futuro.

Quando nascem os dentes do seu filho?

Pronta para entender mais sobre a saúde bucal de seu filho?

Continue lendo esse artigo para saber mais sobre:

– Quais são os primeiros dentes que nascem na boca?

– É possível um bebê nascer com dente?

– Qual é a sequência correta de erupção dos dentes?

– A dentição do bebê pode atrasar?

– Até que idade que podem nascer os dentes de leite?

– Quando começam a cair os dentes de leite?

– Por que os dentes de leite caem?

PRIMEIROS DENTES NA BOCA

Os primeiros dentes que nascem na boca, são os Incisivos Centrais Inferiores, são dentes da frente que ficam localizados na mandíbula do bebê, geralmente eles aparecem por volta dos seis meses de vida do bebê, mas sua formação começa ainda durante a gravidez da mãe na fase embrionária do ser humano, num processo que chamamos de odontogênese  que significa formação dos dentes.

Esses dentes são os primeiros a chegar e também são os primeiros a sair, a esfoliação ou queda dos incisivos centrais decíduos (decíduo=dente de leite) ocorre por volta dos seis anos de idade.

BEBÊ NASCE COM DENTE

Não se assuste! Isso realmente é possível, mas é uma situação rara, as pessoas geralmente ficam muito impressionadas quando um recém-nascido já possui dentes na boca. A primeira medida a se tomar quando isso ocorre é consultar um Odontopediatra. Realizar um exame na boca do bebê é fundamental para avaliar se o dente que nasceu é um dente de leite que faz parte da primeira dentição do bebê e simplesmente apareceu de maneira precoce ou se este é um dente que chamamos de supranumerário, ou seja, um dente a mais que não faz parte da contagem original dos dentes de leite ou dos permanentes. Geralmente o dente supranumerário apresenta uma forma um pouco diferente da que estamos acostumados a ver nos dentes de leite .

Na maioria dos casos dos bebês que nascem com dentes, são seus próprios dentes de leite. Isso não é um problema, todavia pode gerar algum incômodo durante a amamentação e pode ser indicado um polimento das bordas do dentinho para não causar desconforto a mãe.

A avaliação profissional torna-se importante para identificar casos como esse, pois alguns dentes supranumerários podem não ter uma raiz com bom desenvolvimento e apresentar mobilidade, gerando um certo risco de deglutição ou aspiração do recém-nascido. Nesses casos a extração do dente pode ser indicada para prevenir problemas.

Levar seu filho para uma avaliação ainda bebê é muito importante para cuidar de seu desenvolvimento dentário com segurança.

SEQUÊNCIA DE ERUPÇÃO DENTÁRIA NA PRIMEIRA DENTIÇÃO

Tabela Dentes de Leite

No quadro acima observamos a cronologia da primeira dentição, ou seja, a sequência de erupção dos dentes de leite.  A sequência convencional de erupção dentária inicia com o aparecimento dos incisivos centrais inferiores que são os dentes da frente da arcada inferior aos 06 meses de idade. Em seguida aos 08 meses aparecem os incisivos centrais superiores.  Já entre 09 e 10 meses, o bebê apresentará os quatro dentes da frente nas duas arcadas e permanecerá assim até que aos 16 meses entrem os primeiros molares decíduos nas arcadas superior e inferior.  Aos 18 meses inicia a erupção dos caninos de leite. A primeira dentição estará completa quando aparecerem os segundos molares decíduos entre 27 e 29 meses, ou seja, quando o bebê estiver entre dois anos e dois e meio de idade. Saiba quantos dentes de leite tem uma criança.

DENTIÇÃO MISTA

A dentição mista é um importante período do desenvolvimento da criança. Ela vai dos 6 anos, quando ocorre a erupção do primeiro molar permanente e vai até os 11 – 12 anos, quando erupcionam os caninos e os segundos pré-molares permanentes.

A dentição mista completa compreende os primeiros molares permanentes e os quatro incisivos permanentes.

Dentes temporários: caninos e primeiros e segundos molares decíduos.

O primeiro dente permanente a erupcionar é o 1º Molar, que surge atrás dos dentes decíduos.

Uma vez que esta erupção não é precedida por uma esfoliação (queda) de um dente de leite, muitas vezes, pensamos ser ele um decíduo. Ele é um dente permanente com uma anatomia bem complexa, estando sujeito a uma incidência maior de cárie.

A aplicação de selantes tem contribuído para a prevenção de cáries durante a infância e adolescência.

Os primeiros molares talvez sejam os dentes mais importantes de todos os  permanentes, uma vez que, durante a dentição mista, são eles que mantêm a articulação das arcadas superior e inferior.

São chamados “dentes-chave-da-oclusão”, isto é, dentes que sustentam e dirigem a correta posição dos outros dentes.

Sua perda prematura gera distúrbios difíceis de serem reparáveis. Não só estéticos, mas também aqueles prejudiciais à própria saúde e desenvolvimento harmônico da criança.

A seguir, erupcionam os Incisivos Centrais e depois os Incisivos Laterais em substituição aos Incisivos Centrais e Laterais de Leite. Esta situação assim permanece por algum tempo, e se chama dentição mista. Só a partir dos 10 anos surgem os pré-molares e os caninos permanentes.

Os 3° Molares (sisos) podem ser esperados depois dos 18 anos. Porém, sua erupção depende de que tenha espaço. Se o espaço é pouco ou muito pouco ele pode ficar incluso.

DENTIÇÃO PERMANENTE

Tabela Dentes Permanentes

DENTIÇÃO ATRASADA

Em algumas situações a dentição do bebê/criança pode estar atrasada, isso a princípio não representa nenhum problema significativo, alguns bebês/crianças acabam demorando um pouco mais para ter alguns de seus dentes. Consultar um Odontopediatra pode ser fundamental para um correto diagnóstico.

Algumas vezes a dentição pode não estar simplesmente atrasada, mas na verdade o bebê/criança pode simplesmente não possuir o elemento dentário, a isso chamamos de Hipodontia que é uma alteração que demonstra a falta de desenvolvimento de um ou mais dentes.  Geralmente  é associada a pacientes que possuem algum tipo de Síndrome, porém podem acontecer com qualquer pessoa, principalmente nos casos de ausência do Incisivo Lateral Superior.

ESFOLIAÇÃO DOS DENTES DE LEITE

Os dentes de leite sofrem esfoliação ou queda quando sua raiz é reabsorvida pela coroa do dente permanente que irá substituí-lo. Isso é um processo normal e fisiológico que faz parte do desenvolvimento da criança.

Não se deve remover o dente de leite sem indicação do dentista. O processo de esfoliação é a melhor maneira para ocorrer a troca da dentição decídua para a dentição permanente.  A remoção prematura de um dente decíduo ou de leite pode ter consequências desagradáveis dificultando a erupção dos dentes permanentes, já que estes utilizam o dente de leite como um guia para erupcionarem na posição correta.

 

Did you find apk for android? You can find new Free Android Games and apps.
Compartilhe:

12 Comentários em “Quando nascem os dentes do seu Filho – O Guia para a Mãe de Primeira Viagem

  1. silvana disse:

    há quatorze anos extraí um dente e não me lembrava mais como era passar por isso novamente .até porque esse dente me trouxe muito sofrimento pois o processo de cicatrização foi doloroso, mais novamente tive que extrair outro dente ,fiquei um pouco receosa mais fui .foi um processo longo mais deu tudo certo o dr.ronald super paciente ,educado foi perfeito.e agora estou me recuperando super bem ,amanhã faz oito dias e esta tudo perfeito . se alguém acaso precisar pode crer que é um ótimo lugar pra cuidar de seus dentes.

    1. Ronald Pinho disse:

      Olá Silvana, muito obrigado por seu depoimento. Fico muito feliz por saber que você está satisfeita com o tratamento que foi realizado.

  2. Gina Pires disse:

    Meu neto tem 17 meses e apenas 4 dentinhos superiores e 3 inferiores, acho que a sua dentição está atrasada, será que pode ser falta de cálcio? Ele foi amamentado até os 14 meses e não é muito chegado em leite e mamadeiras, o que podemos fazer?

    1. Olá Gina! O ideal é levar seu neto ao Odontopediatra para uma avaliação clínica e talvez radiográfica para avaliar como está o estágio de desenvolvimento dentário de seu neto.

  3. Bruna disse:

    Minha filha tem 7 anos e o dente de baixo, o penúltimo está rachado, ela tinha uma obturação muito grande, mas agora não consigo identificar se a obturação caiu e rachou ou e rachou com a obturação.
    Vou levá lá ao dentista, porém minha dúvida : esse penúltimo dente de baixo cai e nasce outro ou os do fundo são permanentes?
    Obrigada

    1. Olá Bruna! Provavelmente o penúltimo dente de sua filha de 7 anos ainda é um dente de leite, mas o período para a sua troca ainda está distante, se for possível realize um tratamento para manter este dente por mais tempo na boca sua filha.

  4. Marcos Sobral disse:

    Meu filho tem 4 anos e 7 meses, sua primeira dentição é completa, considero normal, entretanto há poucos dias dois dentes inferiores centrais estão ficando moles, a escovação são todos os dias realizada por mim e/ou pela mãe, sempre a noite. É normal esses dentes citados ficarem moles nesta idade?

    1. Olá Marcos! Pode ser que o seu filho esteja um pouco adiantado. Não se preocupe com esta situação que é muito comum de acontecer.

  5. Amanda disse:

    Olá, meu filho tem quase 3 anos, e já machucou por várias vezes o Dentinho da frente, quebrou um pedaço e ficou escuro, e agora caiu de novo , ficou molinho, vou levá lo no dentista , mas gostaria de saber se corre o risco dele perde-lo agora???1

    1. Olá Amanda! Depende muito do dano ao dente causado na queda. Mas como o dente já está escuro, existe uma grande possibilidade ocorrer sequelas ao dente permanente quando chegar o período de troca de dentes.

  6. Mary kate disse:

    Olá. ..
    Meu filho de 5 anos não perdeu nenhum dente de leite ainda , porém está nascendo o primeiro molar dele é normal?

    1. Oi Mary Kate! Não se preocupe, algumas crianças tem a dentição um pouco mais apressada. Isso não trará nenhum problema para seu filho. Mas não deixe de cuidar bem da higiene bucal dele. A erupção de um dente permanente nos faz agir mais cuidado para que esse dentes não desenvolvam a cárie nesta fase da infância enquanto a criança ainda não tem maturidade suficiente para cuidar de sua higiene bucal sozinha. Você precisa estimulá-lo a adquirir o hábito de escovar os dentes.

Deixe um comentário:

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

© 2017 RMA Odontologia. Todos os direitos reservados.
Site desenvolvido por Comersite